20 de outubro de 2009

Charme desvendado

Como havia prometido, volto a público para divulgar minhas descobertas a respeito da definição de Charme!

A primeira observação que fiz foi fundamental para me ajudar na elaboração do conceito: “Mulheres valorizam mais o Charme do que os Homens”. É lógico que uma dama charmosa tem seu valor, mas para a maioria dos homens é a beleza física que prevalece. Tomemos as revistas masculinas nas bancas de jornais – fica evidente que o público cueca tem seus olhos assaltados por damas “fisicamente avantajadas” ostentando seus “atributos” de forma atrevida. Ao passo que Homens estampando capas de revistas sempre estão bem vestidos, fazendo poses que expressam poder ou segurança.

Quando aplicamos essa ilustração à clássica teoria de que nosso comportamento ainda é resquício das qualidades necessárias à sobrevivência, fica mais fácil entender minha observação.

Homens buscam mulheres “saudáveis” que possam lhes garantir descendentes genéticos fortes. Já as mulheres aprenderam que na comunidade, nem sempre é o homem mais forte ou bonito que garante a sobrevivência da prole. A capacidade de dar suporte nutricional, conforto e proteção para os filhos depende do poder e status do macho na hierarquia social, fatores independentes da saúde e força masculinas.

A consequência dessa conclusão feminina é que homens com poder, tornam-se mais atraentes para manutenção da linhagem. Características como atitude, timbre de voz, postura, segurança e auto-confiança passam a valer mais do que bíceps inchados ou rostos simétricos. A beleza física não deixou de ser importante, mas passou a dividir espaço com outras qualidades, que juntas compoem o charme.

O que temos hoje é a dificuldade das pessoas em definirem quais as características etéreas que as atraem. Um sorriso vibrante, que mostra confiança e felicidade sincera (sinais de equilíbrio), uma voz forte e dicção bem articulada que expressem autoridade (poder e respeito entre os semelhantes) ou mesmo a postura e atitude que representem tenacidade, todas se juntam para tornar um sujeito mais atraente aos olhos das mulheres.

Resumindo: Charme é sinônimo de atração, transbordando a esfera física (beleza).

4 comentários:

disse...

O que é charmoso pra mim pode não ser pra outra pessoa, o que deixa a relação do charme com a atração ainda mais forte. Basta jogar o charme perfeito pra atrair a vítima certa! :)

disse...

Vim te visitar achando que encontraria a discussão sobre xícaras e canecas :D

Fábio disse...

disse tudo... mas nao tinhamos chegado nessa conclusão na PGE neh?? hehe

Joyce disse...

Nossa que saudade do povo da PGE, aosjaosajs as discussões sobre o charme *-* e sim, SÃO XICARÁS! KKKK. bjsbjs ;*