25 de novembro de 2009

Infame

Tem piadas que são clássicas, outras são inteligentes... e tem dessas (ouvi hoje no serviço):



O que a Foca filha disse pra Foca mãe?

...

- Hello Mother-foca.



(bah, joguei o nível do blog no fundo do poço...)

20 de outubro de 2009

Charme desvendado

Como havia prometido, volto a público para divulgar minhas descobertas a respeito da definição de Charme!

A primeira observação que fiz foi fundamental para me ajudar na elaboração do conceito: “Mulheres valorizam mais o Charme do que os Homens”. É lógico que uma dama charmosa tem seu valor, mas para a maioria dos homens é a beleza física que prevalece. Tomemos as revistas masculinas nas bancas de jornais – fica evidente que o público cueca tem seus olhos assaltados por damas “fisicamente avantajadas” ostentando seus “atributos” de forma atrevida. Ao passo que Homens estampando capas de revistas sempre estão bem vestidos, fazendo poses que expressam poder ou segurança.

Quando aplicamos essa ilustração à clássica teoria de que nosso comportamento ainda é resquício das qualidades necessárias à sobrevivência, fica mais fácil entender minha observação.

Homens buscam mulheres “saudáveis” que possam lhes garantir descendentes genéticos fortes. Já as mulheres aprenderam que na comunidade, nem sempre é o homem mais forte ou bonito que garante a sobrevivência da prole. A capacidade de dar suporte nutricional, conforto e proteção para os filhos depende do poder e status do macho na hierarquia social, fatores independentes da saúde e força masculinas.

A consequência dessa conclusão feminina é que homens com poder, tornam-se mais atraentes para manutenção da linhagem. Características como atitude, timbre de voz, postura, segurança e auto-confiança passam a valer mais do que bíceps inchados ou rostos simétricos. A beleza física não deixou de ser importante, mas passou a dividir espaço com outras qualidades, que juntas compoem o charme.

O que temos hoje é a dificuldade das pessoas em definirem quais as características etéreas que as atraem. Um sorriso vibrante, que mostra confiança e felicidade sincera (sinais de equilíbrio), uma voz forte e dicção bem articulada que expressem autoridade (poder e respeito entre os semelhantes) ou mesmo a postura e atitude que representem tenacidade, todas se juntam para tornar um sujeito mais atraente aos olhos das mulheres.

Resumindo: Charme é sinônimo de atração, transbordando a esfera física (beleza).

16 de setembro de 2009

Classificados

PASTOR AUTÔNOMO PROCURA REBANHO. REQUISITOS: ALTA FIDELIDADE E BOA RENDA MENSAL. ENVIAR CURRÍCULO P/: MEUPASTOR@CAIXINHADOSENHOR.COM.BR

14 de setembro de 2009

Pergunta da Semana - Charme!

"O Charme é a maneira de conseguir a resposta "Sim" sem chegar a fazer uma pergunta concreta."

-Albert Camus (filósofo francês)


Ok, Ok, muito bonita a definição dada pelo Sr. Camus, mas afinal de contas o que diabos é o charme que tanto atrai as pessoas com sua forma indecifrável de ser?

Na última sexta-feira promovi uma nova discussão no serviço: como podemos definir o que é charme? O mais curioso da discussão foi que todos sabiam identificar o charme nas pessoas que o detém, no entanto ninguém soube responder racionalmente O QUE tornava o "Charmoso" especial.

(Que sorriso!)

Outras duas questões pertinentes ao assunto que surgiram da discussão foram:

- O Charme é absoluto ou relativo?
- O Charme é nato ou pode ser desenvolvido/apurado?

Para semana que vem tentarei publicar minhas conclusões a respeito do assunto!

(Esse é O cara! O mais próximo de uma unanimidade entre as damas no quesito charme)

30 de agosto de 2009

Manek

Abaixo segue um vídeo de composição do meu amigo Mathias (que já teve blog inclusive!) e é mestre em Blender! Ele montou um momento de interação dele com o seu amigo imaginário, o Manek... (hauhauahuahuhau)

25 de agosto de 2009

Mario Bastards!

E tem gente que ainda acha que os jogos de videogame atuais são violentos perto dos clássicos:

16 de agosto de 2009

ADOÇÃO

Amigos e amigas, pra quem não sabe, minha família tem um histórico de resgatar cãezinhos abandonados na rua e ajudar na sua reabilitação. Aqui mesmo em casa uma de nossas mascotes foi achada perto do caís do porto, com um enorme ferimento que quase lhe custou a pata traseira esquerda. Na época recolhemos ela, tratamos da sua saúde e com o tempo ela nos conquistou e acabou entrando pra família. Depois da experiência, e de conhecer melhor um animalzinho que foi maltratado e deixado à própria sorte nas ruas, é impossível não se sensibilizar com outras histórias semelhantes. Atualmente temos 5 cachorrinhos e cachorrinhas que recolhemos e estão aguardando alguém que possa lhes oferecer mais do que um lar, uma verdadeira família. Abaixo vou deixar as fotos dos cãezinhos para que fiquem a par e, caso conheçam alguém interessado na adoção me enviem um e-mail para que possamos conversar. Eu mesmo, se ainda tivesse espaço aqui em casa ficava com eles, mas infelizmente isso não é possível. Conto com a ajuda de todos!

1) Suzi: Minha irmã encontrou-a no campus central da UFRGS, próxima ao prédio da Arquitetura, faz uns 3 meses. Ela é muito amistosa e carente, bastante ativa, ela deve ter algo em torno de 8 ou 9 meses. É de porte pequeno e parece ser alguma cruza de poodle.


2) Flip e Flop: Esses dois moleques minha mãe achou na esquina ao lado de nossa casa. Eles estavam apavorados, tremiam bastante até que fizemos uns afagos e os dois relaxaram. São bastante quietos e muito unidos. Como possuem a mesma idade e aparência semelhante, creio que sejam irmãos, até porque estão sempre juntos. Ainda são adolescentes, devem ter uns 5 ou 6 meses de idade e são bastantes alegres e brincalhões.


3) Lili: Esta daqui é com certeza a mais tranquila e obediente de todas que recolhemos. É extremamente pacata e carente. Ela tem uma aparência de vira-lata clássica, embora possua alguns traços de pastor. Ela é bege e de porte médio . Também já tem alguma idade, pelo menos uns 2 ou 3 anos. Infelizmente as pessoas tendem a ser preconceituosas por conta dessa descrição que fiz, no entanto subestimam o potencial de companheirismo que esta cachorrinha pode oferecer ao futuro dono.

4) Capitu: Também a encontramos na rua de cima, sendo que na época que a recolhemos ela estava prenha, mas felizmente já conseguimos adoação para seu filhotinho. Ela é bem magrinha e cheia de personalidade. Tende a "coordenar" os outros cãezinhos no abrigo. Com humanos ela é muito dócil e comunicativa. Deve ter algo em torno de 1,5 e 2 anos.

Importante: todas as fêmeas já foram devidamente castradas. Quem tiver interesse em conhecê-las ou indicá-las para algum conhecido, pode entrar em contato comigo pelo e-mail: edufalcao14@yahoo.com.br

9 de agosto de 2009

Imortalidade

Pois é, estávamos no serviço discutindo sobre o desejo humano em atingir a imortalidade e concluímos que existem 3 caminhos que aparentemente são os mais "aceitáveis" em termos científicos num futuro não tão longínquo:


1) CLONAGEM
De tempos em tempos produziríamos um corpo novo e jovem a partir da clonagem e de alguma forma transferiríamos nossa mente ou cérebro para ele. Dessa forma poderíamos "trocar a carcaça" conforme envelhecessemos, e também reparar possíveis "falhas genéticas" que proporcionassem doenças ou fraquezas físicas e acordo com as experiências no corpo antigo.

Pontos fracos:

-Continuaríamos envelhecendo e a troca de corpos teria de acontecer periódicamente.
-A cada troca de corpo a mente teria de passar um tempo se "reajustando às novas características e condições físicas da juventude".
-A necessidade em se envelhecer um corpo "recém clonado" para a idade "escolhida" na qual a mente seria inserida tornaria o processo ainda mais complicado.



2) "DESLIGAMENTO" da velhice
Através de medicamentos o corpo se manteria constantemente em renovação. A eliminação do "comando" natural dos genes em envelhecer o físico possibilitaria que o corpo mantivesse a juventude de forma "infinita".

Pontos Fracos:

-Dependência química de medicamentos que "congelássem" a velhice.


3) CIBORGUIZAÇÃO
Entre os cientistas e escritores de ficção a idéia de que a maioria dos humanos num futuro não muito distante tenham partes mecânicas ou de natureza cibernética é dada como certa. Membros postiços com poderes avançados, aprimoramentos cibernéticos ou mesmo controladores nanitas de hormônios no sangue serão muito comuns. Se pensarmos bem, usuários de marcapassos cardíacos já são "um pouquinho ciborgue" não?

Pontos Fracos:

-Dependência de baterias ou fontes de energia para as partes mecânicas,
-Perda gradual da característica natural física,
-Limite para a substituição de "peças".



E você, qual dessas alternativas acha que irá sobresair-se? Existe alguma outra opção viável? Depois eu posto sobre QUAL das opções acima eu creio que seja a mais interessante e qual EU acho que será a predominante no futuro!

29 de julho de 2009

18 de julho de 2009

Lei para Brasília

Depois de tirar o pó aqui do blog, quero ver se encontro motivação para escrever um pouco... Cansado de ler diariamente sobre parente diretores de senado, atos secretos e bunker de sacanagem, lembrei de uma lei que ninguém teria coragem de aprovar em Brasília e que deviam adaptar ao contexto nacional:

LEI BIOLON

Policial de Aço Jiban, do Serviço Secreto do Setor de Segurança

- Clausula n.º 1 da Lei Biolon: O Policial de Aço Jiban tem o direito de prender qualquer criminoso em qualquer circunstância, sem um mandato de prisão.

- Clausula n.º 2: O Policial de Aço Jiban, quando considera alguém como Biolon, pode submetê-lo a uma pena pelo seu próprio julgamento.

- Anexo a Clausula n.º 2: Conforme a circunstância é permitido até mesmo executá-lo.

Obviamente onde se lê "Biolon" entenda-se políticos safados... Podiam até criar um slogan: para combater senadores biônicos, só um policial de aço! (bah, preciso melhorar o nível das piadinhas pra voltar a escrever por aqui).

13 de maio de 2009

Fotografagem 2

Hoje a Carol nos mostrou sua nova aquisição: máquina fotográfica digital da kodak! Dai aproveitei e sai clicando todo mundo! Aproveito e já apresento nossa nova colega de ERH, a Mônica Tatiana! Abaixo vocês tem o resultado da minha bisbilhotice:

A Adriana 100% compenetrada no serviço.


O Felipe e a Mônica conferindo o orkut! hauhauha


Escadinha dos Agentes Administrativos!

6 de maio de 2009

Depressão pós-moderna

Aha! Estou estudando para minha disciplina de Filosofia e Ética, e acabei de ler o seguinte texto de Márcio Pochmann. O título é "retrocessos do atual modelo" e fala sobre como o progresso tecnológico ainda não gerou uma distribuição de renda adequada, bem como não cumpre a promessa capitalista de qualidade de vida para todos.

Um dado do texto me chamou atenção: em 2006, para cada dólar gerado a partir do esforço físico do trabalho do homem, havia 9 dólares para i trabalho de natureza imaterial. Entretanto, em 1950, a cada 10 dólares equivalentes de riqueza gerada no mundo, somente 4 dólares provinham do trabalho imaterial. (não há citação da fonte de pesquisa)

"Tá sabichão, e daí com esses dados?" pergunta o afoito. Bem, respondo que esta evolução da distribuição do trabalho acompanha as pesquisas que apontam o crescimento da depressão na população mundial. Alguns meses atrás a revista "Mente e Cérebro" trouxe uma matéria a respeito do modo como o trabalho manual reduz o estresse e surgimento de depressão no ser humano. Pessoalmente já experimentei dos benefícios que a atividade física ligada a coordenação motora fina trás ao humor.

Na medida em que a automação desonera o homem do esforço físico na economia, a atividade intelectual ganha maior espaço na sociedade. É positivo que não tenhamos mais de empregar a energia humana bruta para arrastar enormes blocos de pedra, ou carregar sacas de areia nas costas. Entretanto faz-se assaz importante a distinção entre força bruta e trabalho manual. A destreza de um artesão que molda um vaso, ou de um escultor que transforma rocha em arte são completamente diferentes da mão-de-obra do "homem-boi" de Taylor.

Enquanto a humanidade não se atentar que a abstração completa do trabalho humano custa emocionalmente ao trabalhador, a crescente onde de depressão parece o preço a pagar pelo "progresso técnico" do homem sobre a natureza...

5 de maio de 2009

Questionamentos da semana 2

Alguém sabe me explicar porque as moscas gostam tanto de merda? Quando levo minhas cachorrinhas pra passear e elas satisfazem suas necessidades (n.º2), o tempo que levo para retirar o saquinho plástico do bolso é o suficiente para ao menos 1 mosca aparecer para pousar nos dejetos.

Fico abismado... Como elas surgem tão rápido??? tipo... ela tem algum radar merdistico? onde estavam se escondendo? Quando cai um sorvete no chão, elas não são tão rápidas para dar as caras! realmente fico impressionado...

Mudando da merda paras as moscas, li hoje no jornal que, de acordo com estatísticas do ministério do desenvolvimento social, 1 em cada 3 brasileiros serão beneficiários do Bolsa-família. A reportagem inclusive menciona uma cidade no Maranhão onde 98% da população é agraciada pelo programa. Considerando que o governo não atrela nenhum plano de DESENVOLVIMENTO (por isso quero dizer estudo, escola, oportunidade profissional) como requisito para receber a esmolona, não deveriam mudar o nome do órgão para "ministério da dependência social" ou "ministério da parasitagem social"? ou se fossem mais sinceros... "ministério da compra de votos social"??? Esses caras só podem ter:

4 de maio de 2009

Saco cheio

Bah, 3 dias preso em casa, assoando o nariz e tossindo... Ainda tenho de fazer um texto a respeito de 3 textos de sociólogos a respeito de moral (pra quem não sabe, tenho um problema com sociólogos e suas publicações, ainda que respeite esta digna ciência)... Estou chegando num nível "Charles Bronson" de paciência...

1 de maio de 2009

Wolverine: Origins

Acabei de voltar do cinema, portanto estou escrevendo minha opinião ainda de cabeça quente. Sei que o correto é esperar ao menos um dia (o que de fato faço quando escrevo aqui no blog), para que uma análise mais ponderada seja possível... Mas o filme foi tão fraco que prefiro aproveitar minha indignação desabafar mesmo.

Porra, será que esses produtorizinhos de Hollywood não aprendem nada com seus próprios erros e acertos? O recente sucesso do Cavaleiro das Trevas deveria ter servido de alerta pro pessoal do ramo: filme de super-herói não precisa ser um amontoado de explosões e efeitos especiais porcos para dar dinheiro. Custava pensar minimamente num roteiro que respeitasse os personagens e a capacidade intelectual dos espectadores???

"Ui a água ta quentia!"

Além de ser um amontoado interminável de cliches (especialmente na medida que o filme termina) as tomadas de câmera parecem propositalmente ajustadas para realçar isso... Beira o ridículo. Só para citar: "Wolverine saindo de moto de "dentro da explosão no celeiro", "Wolverine explodindo o Agente Zero nas ferragens do helicóptero", "Stryker baleando Wolverine pelas costas", "Gambit salvando Wolverine da parede da usina - com detalhe para frase: sentiu minha falta?", enfim, dá para ficar até amanhã escrevendo as cenas batidas, sem contar com as "caminhadas em direção ao horizonte ou contra o sol" que rolam durante o filme.

Cliche clássico: BUMM, eu sou foda!

(modo nerd on) Se era para descaracterizar tanto alguns personagens das HQs, por que não inventar logo alguns personagens e enfiar no filme? Deadpool com multiplos poderes? Blob gordão por ter desenvolvido uma "desordem alimentar"? Dentes-de-Sabre perereca??? (o cara pula mais no filme do que o Noturno e o Fera somados nos X2 e X3) , além de ser o irmão zinho do Wolverine é pra contorcer o estômago de qualquer leitor que goste da cronologia do personagem.

O Wolverine se tornou um personagem famoso por conta de uma personalidade "não me levo a sério e estou pouco ai pra isso" e não pelo aspecto emo "ui, sou torturado, sozinho e sem memórias". Sem contar que o cara tem 1,60m, é invocadinho e põe muito grandalhão na lona. Dai vieram os filmes e transformaram o cara numa espécie de sex symbol de 1,90m que passa as histórias com pena de si por o sacanearem e desconta nos bandidos furando todo mundo. Nesse filme o Wolverine chega a ser mais alto que o próprio Dentes-de-Sabre, dai não dá pra engulir mesmo!!! (modo nerd off)

ah, eu mencionei a quantidade de cenas "Arrrgh eu sou foda/durão/casca-grossa" que deram pro Wolverine no filme? sério... sem comentários, o Hugh Jackman devia testar os iogurtes activia para resolver seus problemas de prisão de ventre...

Bem, descontando os cliches, as "adaptações forçadas", descaracterização de personagens, e alguns defeitos especiais (se no cinema já não estavam muito legais, imaginem quando pintarem na tv) sobra alguma coisa de bom no filme? hummm... vejamos...

NOP! vou ser sincero... só recomendo o filme pra quem gosta do personagem e tem curiosidade de saber como adaptaram a balela pro cinema. Caso contrário (a menos que você tenha problemas mentais e seja viciado em cliches) o filme é bem dispensável... Nota 4 (ia ser 5, mas ainda estou de mau-humor).

29 de abril de 2009

Conclusão


"Um homem é tão atraente quanto a sua confiança."

(frase de minha autoria após conversa no serviço a respeito da importância da auto-confiança e imposição na formação de imagem pessoal)

16 de abril de 2009

El Método "Gronholm"

Como anunciado no último post, hoje foi dia de posse lá na PGE. Cerimônia, bla-bla bla-bla, documento isso, assinatura aquilo, "onde vou ser lotado?", "posso prorrogar o exercício?" etc... Nada de emocionante, muita formalidade e lero-lero como sempre.

A parte alta do dia foi minha aula de Filosofia e Ética. Não, ninguém promoveu debates metafísicos sobre a imanência da cosmologia ou coisa do tipo. Assistimos ao filme "ítalo-espanhol-argentino" El Método. Abaixo segue o trailer (não vou perder o costume de deixar um videozinho no post, hehe):



Ainda não assisti ao final (a aula é de 90 min apenas), mas o filme de fato me agradou e muito. Levanta questões sobre ética, momentos de humor e ainda por cima um mistério bem intrigante. Mesmo para quem não trabalha com Recursos Humanos é muito divertido e fica aqui minha recomendação!

14 de abril de 2009

"Possessão" coletiva

Já repararam como sempre que eu posto, por menor que seja a mensagem, sempre enfio um videozinho? Ok, sei que não dá para disfarçar a falta de criatividade, mas pelo menos acho que serve pra distrair um pouco e manter o blog respirando...



Mudando de assunto, lá no serviço vamos ter dia de posse na quinta (16/04/2009). Para quem não sabe, é uma solenidade meio ridícula que a PGE promove quando há o ingresso de uma nova leva de servidores no quadro. Como nomeamos uns 120 no dia 20/03/2009, devemos ter quaaase 100 pessoas sendo empossadas na quinta (sempre tem gente que já está trabalhando em lugares melhores ou que paguem melhor ou as duas coisas... além de um pessoal que levou pau no psicotécnico Oo e ficaram de fora). Vejo colegas meus animados, querendo ver se vamos receber alguma servidora bonitona na área... Eu devia ficar interessado, ou no mínimo curioso, pois de certa forma é o único tipo de novidade que temos lá na PGE, mas acho que já estou há tempo demais no serviço público (pombas, até já me tornei estável)... deve fazer mal pra cabela de qualquer um...

9 de abril de 2009

Feriado pela metade

Na boa, depois quando as pessoas falam que o Brasil não é um País sério fica difícil defender. Amanhã é feriado de Páscoa: 10/04/2009. EU sinceramente discordo em termos feriados religiosos quando vivemos num Estado de direito que se proclama laico... mas ok, a maioria esmagadora da população é Católica, vá lá... (não teriam os membros das outras religiões direito a feriados nas suas datas comemorativas?) agora determinar "quinta-feira santa" como expediente só de turno matutino... que motivo há??? Ouvi de um amigo que a justificativa seria de que "como todo mundo larga mais cedo do serviço pra viajar, então fazer meio-expediente seria uma forma de evitar engarrafamentos, etc..." Porra! (perdõe o palavrão) se essa for a motivação por trás desse "meio-feriado" é pra oficializar a desmoralização completa do governo estadual!

Bem, indignação à parte, vou deixar um outro vídeo que minha irmã me apresentou e outro que deve ser o sonho de qualquer nerd...

FINISH HIM!


4 de abril de 2009

Street Fighter 2

Hoje pela manha fui ao correio buscar uma encomenda da qual fui notificado que estaria aguardando minha retirada. Era a figura do E. Honda, do Street Fighter! Agora só merestam o Ryu, o Sagat, o Vega e o M. Bison para completar os personagens originais do SF2.

Falando em Street Fighter, lembrei de algumas coisas bem engraçadas presentes nos jogos mais antigos. Uma delas eram aquelas fases "bônus" no Street 2, onde você tinha de acertar aqueles barris que caiam do teto, ou a fase onde tinhe de detonar por completo um carro estacionado no porto. Convenhamos, que coisas mais sem sentido! Ficar socando barris para treinar sua pontaria até poderia ter alguma lógica... mas depredação gratuita de automóveis???



Quando vi esse video não pude deixar de postar aqui no blog... hahaha esse caras do Mega64 são muito espirituosos...

2 de abril de 2009

Questionamentos da semana

- Alguém sabe me dizer porque pombas não produzem mais aparelhos eletrônicos na cor "gelo" ou bege? (especialmente monitores de lcd)

- Qual a diferença entre MORAL e ÉTICA?

(essa última eu aprendi hoje, mas não estou a fim de explicar no momento...)

14 de março de 2009

Poder das Idéias


Não me recordo de ter escrito isso por aqui antes, mas sempre tive um leve interesse por filosofia. De fato, nunca estudei muito a ciência, nem tampouco exercitei meus questionamentos, no entanto volta-e-meia umas vozinhas se destacam dentre o caos que é minha mente.

Faz alguns meses desde que me entreguei a uns questionamentos que me abriram os olhos à uma possibilidades metafísica: talvez as Idéias (no mais literal conceito da palavra) sejam constituídas de energia. Cheguei a considerar que talvez possuissem vida própria (inclusive já li alguma coisa a respeito anteriormente, só não me lembro onde), mas estou mais inclinado a aceitar a primeira teoria.


Não existe exatamente uma explicação cientifica para nos esclarecer COMO nascem as idéias. Algumas idéias nascem do exercício da própria filosofia e da análise crítica, embates dialéticos, estudos que acabam por estabeler relações entre conceitos já existentes que resultam no surgimento de novas idéias.

Por outro lado, quem nunca teve um "estalo"? ou teve uma idéia absurda aparentemente surgida "do nada"? Quem já estudou Publicidade e Propaganda, ou mesmo Marketing já está careca de conhecer a expressão estrangeira: "brainstorm". Atribuir o nascimento destas categoria de idéias à mera Criatividade humana é uma explicação no mínimo inocente.

Ainda pensando nas características da Idéias, elas nascem e morrem (podem ser esquecidas se as pessoas não às pensarem ou usarem), mas a característica mais interessante é que elas "geram" ações. Uma idéia pode gerar uma crença, capaz de mobilizar milhões de pessoas (religiões) , mesmo que não encontre embasamento na razão, qualidade que os humanos possuem (a filosofia parte do princípio de que nós somos seres racionais).

Enfim, eu teria de estudar mais alguns filósofos modernos e contemporâneos a respeito do mundo das idéias e sobre metafísica para dar continuidade aos meus devaneios sem falar bobagens demais... Também teria de estudar a relação das emoções com a razão humana para confabular melhor.

15 de fevereiro de 2009

Fotografagem

Recentemente meu amigo de serviço, o Henrique, entrou para o ramo da Fotografia profissional (ok, ele ainda não é profissional mas comprou uma bela máquina e está dando os primeiros passos, aposto minhas fichas de que ele vai dar certo no metiê), e andamos conversando sobre técnicas de fotografia. Nunca pratiquei, e nem tenho máquina fotográfica, mas na época em que estudei jornalismo, a disciplina de fotografia era uma das poucas que me interessava (mesmo no nível teórico), e conseqüentemente tenho alguma noção do assunto.

Estava eu aqui brincando com a máquina da minha irmã (uma cybershot 5MP da sony), tentando acertar umas fotos para publicar no anúncio que estou fazendo de meu Gamecube no Mercadolivre (quem souber de interessados, por favor divulguem!) e resolvi fotografar essas duas figuras que eu tenho na minha mesa: o Hulk Vermelho e o Ken...


Tenho que confessar; acertar o foco nos dois, com a máquina automática da minha irmã foi difícil. É verdade que não conheço todos os recursos do aparelho, mas ainda assim essas duas fotos foram as únicas que tive coragem de publicar... (acho que tirei umas 8 ou 9 que ficaram vergonhosamente desfocadas) Pode soar muito nerd, mas acho legal tirar fotos de meus brinquedos. Não valeria a pena comprar uma máquina de peso para tanto, mas vou confessar que me pareceu um hobby muito interessante...

11 de fevereiro de 2009

Matemática do Futebol

Não sou de ficar sugando piadas dos outros, mas essa que recebi do Lucas foi muito boa. Dei uma pesquisada na internet e achei mais umas somas bem engraçadas:

A minha preferida foi essa (hahahaha):

O cara que fez as montagens consegue ser um Flamenguista mais doente que eu! (Pelé + Superman = Obina? hahuahuahua)

30 de janeiro de 2009

Sentimentalismo

Quem é vivo aparece! Resolvi postar essa mensagem depois que o seguinte comercial me tocou:



Nunca havia chorado assistindo tv... (admito que já chorei no cinema algumas vezes) Creio que por ter passado por alguns momentos dificeis com minhas cachorrinhas (uma delas esteve muito perto de nos deixar) e por gostar mais de animais do que de pessoas (são sempre mais confiáveis e leais) talvez me encontre mais sensível, mas reconheço que o comercial me tocou de verdade. A idéia de que o cão não consegue entender os motivos pelos quais uma pessoa possa lhe deixar é muito forte. O abatimento canino na ausência daqueles que lhe cuidam é muito transparente e sincero demais para ser ignorado...

Ah, antes que eu me esqueça: sejam doadores! hehe Eu sou... :D