31 de março de 2011

Moleque Mágico!

Quando assisti a esse video, tinha a sensação de que havia algum truque. Falando sério, a habilidade desse piazinho com a bola é assustadora!!! Certamente já deve estar acertado com algum clube europeu... Prometido à categoria de base do Barcelona ou do Milan...



A bola gruda no pé dele... e ele sai fazendo fila no resto da gurizadinha como se estivesse dançando! Se bobear pode ensinar alguns truques pro Messi ou pro Cristiano Ronaldo. Se crescer e mantiver esse nível de domínio, vai virar um Maradona (nem precisa aprender a chutar a gol, pq o goleiro ele dribla umas 3x antes de entrar com bola e tudo pra dentro do gol!).

15 de março de 2011

Adeus Mouse!

Eu aqui me escabelando pra descobrir pq meu Mouse parou de recarregar a bateria (tenho um ratinho sem cauda) e me deparo com essa novidade! Não sei quanto vai custar, mas é ceeeeeerto que se tiver bateria de boa duração e a sensibilidade aos movimentos for de qualidade, logo logo nossos mouses vão virar coisa do passado... Não dou 2 anos pra eles sumirem das nossas vistas! Pobres ratinhos!

16 de janeiro de 2011

Só eu que lembro desse?!

Colé que é do povo da terceira idade aqui que só eu lembro do desenho do Kissyfur? Não tiveram infância, não?! Até parece que foi ontem que eu me pegava no pau com o meu irmão pelo melhor lugar do sofá só para não perder essse! Tão clássico quanto o Pica-Pau descendo as Cataratas...
video

5 de janeiro de 2011

Razões para querer ser funcionário público e não comissário de voo

Para quem me pergunta, vez que outra, porque escolhi essa vida, aí vão só algumas verdades que sempre tive vontade de dizer. Vale lembrar que o blog é aberto a discussões, e se alguém aí achar que vale mais a pena servir bandeja em avião, sinta-se à vontade para protestar!

• Não precisamos usar uniformes;
• A sombra não precisa ser azul nem o batom precisa ser vermelho;
• Não precisamos usar topetes;
• Se a saia subir acima do joelho ninguém ousaria chamar a nossa atenção;
• Os homens não têm fetiches com funcionárias públicas;
• Não recebemos bilhetinhos em guardanapos;
• Ninguém pergunta o nome do rio que está correndo lá embaixo;
• Não trabalhamos com escalas;
• Podemos usar tênis;
• Podemos ficar fedidos;
• Não precisamos sorrir quando não estamos a fim;
• Não precisamos agradar ninguém;
• Não temos horário;
• Não precisamos fazer check nos equipamentos de segurança antes de iniciar o expediente;
• Nunca estamos em situação de emergência;
• Se algo atrasar ou alguma coisa der errado não será problema nosso;
• Sempre estamos certos e a organização sempre está errada;
• O cliente nunca está com a razão;
• Não precisamos ter espírito de servir;
• Não temos que ler o livro do comandante Rolim;
• Podemos andar com o esmalte descascando e o cabelo despenteado;
• O salário é maior e o trabalho é menor;
• Ninguém nos obriga a usar bottons comemorativos;
• Os clientes não têm pressa porque nós também nunca temos pressa;
• Podemos usar o celular durante o trabalho
• Podemos dormir durante o expediente;
• Não precisamos fazer demonstrações de segurança;
• Não precisamos servir barrinhas de cereais nem sucos de laranja;
• Não trabalhamos servindo destilados e, por conseqüência, não precisamos agüentar bêbados.