25 de dezembro de 2008

21 de dezembro de 2008

Quartinho simples

Estava eu passeando plea internet, em busca de informações sobre camas retráteis, e me deparei com este modelo de quarto infantil:


Puuuxa, tipo... Caramba! que quarto diferenciado esse! Sinceramente, fiquei impressionado! o Arquiteto, ou decorador que bolou esse aposento está de parabéns! Lógico que deve ter saído uma bela grana, mas ficou muito legal! Casinha na árvore, piso elevado, etc... realmente criativo!

Mas voltando ao meu objetivo, alguém por aí sabe onde posso encontrar camas retráteis?

10 de dezembro de 2008

Ronaldo no Timão



Pois é, depois de quebrar a cara no bolão do serviço, acho que quebrei a cara esperando pelo Fenômeno no Mengão. O interessante de toda essa história, independente dela dar certo ou errada, pode ser resumida nos seguintes tópicos:

1) Diretoria do Flamengo: o episódio só serviu para realçar o quão amadora e ridícula é a diretoria do Flamengo. Francamente, embora não concorde com a maneira como Ronaldo acertou sua transferência para o Timão, tenho de concordar com o que ele alegou "Durante 4 meses treinei no Flamengo e não recebi qualquer proposta ou plano para o ano que vem". O senhor Márcio Braga deveria parar de planejar seus "banquetes do hexa" e começar a pensar em ter profissionais sérios dentro do clube, além de realizar um mínimo planejamento para a entidade Flamengo. Ainda declarou que já vê Parreira como treinador para o ano que vem (já deve ter melado tudo). O único quesito no qual eu enxergo a competência da atual diretoria é na facilidade de promover um "OBA-OBA".

2) Números: 2009, aniversário de 99 anos, R9... Não entendo de numerologia, mas que existe um potencial de marketing nesses números, ninguém pode negar.

3) Diretoria do Corinthians: Ronaldo é uma aposta, pode jogar, pode se lesionar, pode ser pego com travecos... sinceramente não sei o que esperar. A única certeza é de que não estão pecando por falta de ousadia, tampouco pensando pequeno. Da série B a contar com um dos jogadores mais badalados do mundo é um passo bem grande. Resta torce que dentro de campo as coisas funcionem.

4) Comentários de outrem:

Meu ex-zelador sobre a contratação:
- "Ué, chegou para ser técnico?"

Minha irmã:
- "bah, que decadente! (não por acertar com o Corinthians, mas por retornar ao futebol nacional)

5) Minha opinião: é um grande lance de marketing, sozinho já vale a pena para os cofres do clube (e de marketing o Corinthians já mostrou que entende, vide Paulo Rosemberg) e se der algum resultado em campo, ótimo! A diretoria só não pode apostar TODAS as fichas exclusivamente no Ronaldo. Acertem com mais um bom atacante e mantenham o Herrera. Creio que se o Ronaldo só quisesse "oba-oba" e "boa vida" teria ficado no Rio, aguardando proposta do Sr. Márcio Braga e seus asseclas. Se vei para o Timão, e conhecendo a torcida, ele sabe que não vai poder "dar mole". Imagino ele estando preparado para as cobranças e para se dedicar de corpo e alma. Não é jogador de causar encrenca nem tumultuar ambiente de grupo, portanto não deve causar problemas para o Mano. resta torcer...

O Autor está aguardando a definição do novo patrocinador na camisa para encomendar a sua camisa Timão R9...

17 de novembro de 2008

GTA versão anos 80

A gurizada de hoje pode não achar graça, mas pra quem gastou horas num nintendinho o videozinho é hilário!



(pular na cabeça dos transeuntes para matá-los foi demais!)

13 de novembro de 2008

Superfriends Friends



Só a apresentação com a musiquinha tradicional já vale o videozinho! hehehe

2 de novembro de 2008

Mudança

Que final de semana xarope! Não agüento mais ver caixas pela frente. Passei os dois últimos dias encaixotando meus bens (só para desencaixotar a partir de quarta), e o pior é que ainda deve faltar duas portas de armário cheias e o balcão do quarto.

O lado positivo é que conquistei o quarto grande do novo apartamento. O pressão foi grande, muita luta e discussão, mas fiz a justiça prevalecer. De quebra minha irmã ficou com o segunda maior quarto (que ia sobrar pra mim) e nem precisou reclamar... pior que nem sequer me agradeceu... tudo bem... paciência. Pra dar certo as coisas sempre têm de ser batalhadas até o fim, haja stress!

Queria encaixotar meu stress e mandar entregarem no endereço errado...

31 de outubro de 2008

Bambi!

Antes que me acusem, fiquei sabendo dessa sacada através do site do lance (não costumo assitir novelas como meu colega Henrique). Centenas de São-paulinos indignados com a novela "A Favorita" escreveram e-mails para a Globo reclamando da cena que foi ao ar ontem:

<a href="http://video.msn.com/?mkt=en-US&playlist=videoByUuids:uuids:3d8e0f25-d913-470f-a6f8-4a3eff805e49&showPlaylist=true&from=msnvideo" target="_new" title="Cena da novela A Favorita">Video: Cena da novela A Favorita</a>

Hahahahahaha... BAMBI! Não sei qual é o problema, os São-paulinos deviam se orgulhar por ser um time que agrada a todos os espectros sexuais da sociedade.

O Autor nada tem de homofóbico e respeita todas as naturezas sexuais, sejam elas quais forem. Mas que foi hilário foi!

30 de outubro de 2008

Karate Kid dos Açorianos

Essa é pra quem trabalho nos arredores do Centro Administrativo Fernando Ferrari, e toda manhã passa próximo do viaduto do largo dos açorianos:



Tem um tiozinho que manhã sim, manhã não tira acamisa e começa a treinar uns golpes de "kung-fu" muito loucos na praça em frente ao centro administrativo. Quem conhece acha hilário os abdominais de "5 graus" que o tiozinha realiza... sem falar nos socos imaginários e chutes na altura do tornozelo que ele pratica. Demência a parte, admiro a determinação da figura!

Já pensaram se um dia promovem um torneio "Street Fighter" de mendigos do mundo a fora? hauhauaua bizarrice geral. Por falar em videogame, estou bem curioso pra pôr minhas mãos nesse novo Mortal Kombat vs DC:



Aliás, nunca fizeram um golpe estilo "bananeira anão-tai" num dos jogos do Mortal... hehehe



Bolão Brasileirão 2008

Com a série B decidida, voltei minhas atenções à primeira divisão do Campeonato Brasileiro. Meu colega Henrique e eu promovemos um bolão no Departamento de Administração da PGE. Com os resultados da rodada de hoje a disputa pegou fogo de vez... abaixo segue minha aposta no bolão:

1º lugar: Grêmio
2º lugar: São Paulo
3º lugar: Palmeiras
4º lugar: Cruzeiro
5º lugar: Flamengo

Mesmo em queda, ainda aposto no tricolor gaúcho e explico: o São Paulo (que hoje teve uma ajudinha do apito-amigo), mesmo com a tabela mais fácil, vem de uma seqüência grande de invencibilidade (12 jogos) e num campeonato marcado pela oscilação na ponta, não creio que mantenha o bom desempenho até o final da peleia. Já o Palmeiras, mesmo com Luxemburgo, tem uma bastante complicada. Já Cruzeiro e Flamengo não transmitem a segurança ou consistência para chegarem na ponta.


O bolão encerrou hoje com 15 apostas no valor de R$2,00!!! já pensaram? se eu ganho essa grana peço o boné e vou curtir uma aposentadoria no Caribe! huhuhu Podem em cobrar no final do campeonato!

6 de outubro de 2008

Manobrista

Em homenagem à Lia!

http://www.asolutionforyou.com/Parking%20Game/scoregame/Game.htm

17 de setembro de 2008

Pegadinha do Mallandro!

Quando ouvi falar, achei que era uma pegadinha...



Ser vereador é fácil? sera que ele suspeita quais são as atribuições legais dos membros da câmara? O Autor que é burro... trabalha todo dia, quando podia ser vereador...

19 de agosto de 2008

Selvageria Infantil

Me custa pensar em algo mais primitivo do que incentivar crianças a disputar brindes vagabundos espalhados no chão. Pois este primitivo ritual ainda existe em aniversários infantis, e tem nome: "Balão Surpresa"!

Minha experiência recorda que o evento privilegia os mais velhos e agressivos na luta por balinhas e afins, oprimindo e frustrando as crianças mais novas que ficam acanhadas em se jogar ao chão como cães famintos em busca um fiapo de carne. Não existe qualquer outro adjetivo que me venha a cabeça com maior ênfase do que "selvageria" quando penso no assunto.

Por que não distribuir brindes em sacolinhas? garantindo que todos recebam uma quantidade justa de prêmios ao final da festa? Qual é a moral em estimular a competição desleal entre infantes? Parabenizar o jovem que conseguiu "vencer" seus colegas de festa por uma bala de côco por ter empurrado uma criança menor? Sejamos sinceros... que tipo de adulto vai nascer de experiências como esta? sujeitos competitivos sem espírito de cooperação ou solidariedade?

Por que simplesmente não distribuem correntes e porretes para as crianças concorrerem por pedaços do bolo da festa após o apagar da velinhas? Quem sabe trocar as palmas e a canção de parabens por algum antigo cântico de guerra que mencione orgulho e sangue ou histórias de guerra para animar os baixinhos??? Aliás, os brindes que caem do balão podiam muito bem ser trocados por soqueiras e punhais...

Finalmente quero parabenizar minha amiga Carolina Sarmento por sua atitude sensata e madura em coibir "balões-surpresa" nas festas de aniversário de sua filha. Sempre é importante lembrar do quanto este tipo de prática é idiota e que princípios e solidariedade devem ser cultivados desde cedo.


O Autor nunca conseguiu brindes decentes com balões-supresa...

13 de agosto de 2008

A ESTÓRIA DO IMPERADOR KRU WON

Era uma vez um imperador da China Antiga chamado Kru Won, governante inteligente porém cruel, que liderava seu povo com mão-de-ferro. Tinha muitas esposas guardadas por eunucos reais, enquanto ele se divertia jogando e divertia seus súditos com jogos públicos. Infelizmente, um dos generais de maior confiança do imperador apaixonou-se por uma das esposas prediletas de Kru Won e fugiu com ela. Foram capturados e voltaram à corte de Kru Won, para receberem o castigo.
Em vez de decidir cortar a cabeça, como era costume, o imperador achou interessante divertir a corte. Colocou o general no meio de um anfiteatro que tinha duas portas. Inclinando-se por cima de um balcão em direção ao general, o imperador disse: "O senhor deverá abrir uma daquelas duas portas. Atrás de uma delas coloquei uma bela donzela; atrás da outra, um tigre faminto. Assim, meu caro, ou você se casará ou será comido vivo. Minha esposa, aqui ao meu lado, que partilhou sua cama, sabe atrás de que portas se encontram a donzela e o tigre. Como vocês dois nutrem um profundo amor um pelo outro, dei-lhe permissão para indicar-lhe que porta abrir".

O general olhou para a mulher amada, e ela indicou a porta à esquerda. Ele correu e abriu-a imediatamente.

QUEM ELE ENCONTROU ATRÁS DA PORTA? A DONZELA OU O TIGRE?



...





...





...
Se você observar com atenção, verá que o texto foi cuidadosamente elaborado para não induzi-lo(a) a qualquer tipo de resposta porque não há certo ou errado neste caso. A estória foi escrita exatamente para que sua atitude interna em relação à vida surgisse naturalmente. Sua resposta apenas evidencia, conforme sua escolha, o tipo de atitude básica que você tem em relação à vida e às pessoas. Conseqüentemente, através desta resposta você poderá ter uma noção do seu nível de QE, uma vez que o otimismo é considerado um dos principais fatores de Inteligência Emocional.

TIGRE


As pessoas que fazem esta escolha tendem a ter uma atitude de desconfiança em relação ao mundo e às pessoas com as quais convivem. Podem acreditar, por exemplo, que sempre que outra pessoa oferece ajuda, está querendo alguma coisa em troca. De fato, a opção pelo Tigre indica uma atitude reativa em relação à vida. Isto é, tem uma tendência pessimista em relação a possíveis resultados e, sem perceberem, acabam perdendo boas oportunidades de sucesso e crescimento por causa dessa atitude.

Pode parecer que nada dá certo para elas, mas, na verdade, sua atitude negativa é que é a verdadeira responsável pelos resultados insatisfatórios que vivenciam. Segundo os cientistas entrevistados e citados por Daniel Goleman em seu livro "Inteligência Emocional", a presença de otimismo na personalidade de uma pessoa é um fator essencial para seu sucesso.

Se sua opção foi pelo "tigre" neste momento, pense um pouco nisso. Será que você tem explorado todas as oportunidades que têm surgido em sua vida, ou está se limitando para não enfrentar os problemas que imagina que vão surgir?

DONZELA

Esta opção indica a presença de uma atitude positiva em relação à vida e às pessoas. A simples presença do otimismo na personalidade já é, por si só, segundo Daniel Goleman - autor do livro "Inteligência Emocional" - um fator de equilíbrio e maturidade emocional, grandemente responsável pelo sucesso e pela felicidade das pessoas.Atitudes pró-ativas, positivas e otimistas aproximam as pessoas cada vez mais de seus objetivos e facilitam a conquista de metas e a realização de projetos.

Além disso, está provado que pessoas otimistas e positivas são mais felizes e realizadas, desenvolvem relacionamentos afetivos, amorosos, sociais, profissionais e familiares mais equilibrados e gratificantes. Em suma, a opção pela "Donzela" indica bom nível de maturidade e equilíbrio emocionais e, somado a outros fatores que continuarão sendo demonstrados neste site, pode indicar alto nível de QE.

Era óbvio que o Autor escolheria o Tigre... o malvado imperador deixaria que a concumbina escolhesse a portas e em seguida trocaria sem aviso a donzela e o tigre de posição. Assim que o general seguisse o conselho da fujona, ele não apenas morreria, como a deixaria eternamente assombrada por ter indicado a porta errada... seria a forma mais cruel de punir ambos! e para aqueles que ainda pensassem: ah, mas e se ele escolhe a porta trocada? bem, dai ele acabaria com donzela mas perderia para sempre a confiança na amante pois teria na memória que ela lhe indicou para o tigre... portanto o imperador teria sua vingança de qualquer modo...

12 de agosto de 2008

Dia Nacional de arremesso de Lixo no Eduardo

Puxa, quando eu falo pras pessoas que sou um lixo, sempre escuto palavras de consolo e/ou apoio: "não fale isso, você é um cara legal, todos gostam de ti" ou "deixa de drama, tu não sabe se dar o devido valor" , etc...

Mas hoje a população de Porto Alegre aparentemente adotou o dia como marca de festividades para reforçar minha auto-imagem de lixo! Na primeira vez uma desconhecida sra, sem qualquer aviso, abriu a porta do salão de beleza (chamado "Deusa") e arremessou um saco de lixo na caçalda, sem qualquer pudor, a um metro de distância da minha pessoa!

Para completar, quando eu voltava pra casa de ônibus, comecei a cochilar no banco de trás do veículo, quase encostado na janela, quando fui despertado por um resto de bolinho de arroz frito! Sério, ser acordado (dentro de um ônibus) por um resto de "bolinho de arroz frito" jogado na cara é o cúmulo da chinelagem!




Lembrem-se: reciclar o lixo é sempre melhor do que atirá-lo no Autor...

27 de julho de 2008

Provão Político

Para os que não sabem, atualmente sou funcionário público do Estado do Rio Grande do Sul. Para ser nomeado ao cargo de Agente Administrativo Classe "M" da Procuradoria-Geral do Estado, prestei concurso de prova objetiva, provando estar qualificado para o cargo.

Em contrapartida estamos vivendo momentos de campanha política municipal. Em breve as figuras mais bizarras surgirão no horário político, desfilando asneiras e incompetência no horário nobre de nossas televisões. É aí que eu me pergunto: Não deveriam estar sujeitos a testes os candidatos aos cargos políticos?

Não tenho qualquer intenção de restrigir as eleições às pessoas de bom berço, nem tampouco vetar candidatos que não tenham formação profissional sólida. Apenas me preocupo com a qualificação de nossos futuros dirigentes e legisladores. De que nos adianta legisladores carismáticos e de boa conversa que desconhecem suas responsabilidades?

Conforme debate com minha irmã, ainda concluímos que os candidatos aprovados para disputa eleitoral poderiam divulgar seus resultados no exame. Seria uma forma interessante de incentivar os estudos entre a categoria, evitando a enormidade de propostas inconstitucionais que pipocam todos os dias nas casas legisladoras do País.

20 de julho de 2008

Homenagem Póstuma

Ok, depois de receber comentários a respeito das teias de aranha aqui no blog resolvi tomar vergonha na cara:


Ontem assisti ao novo Batman, Cavaleiro das Trevas e posso garantir que, apesar de longo, o filme vale cada minuto de tela gasto! Orgasmos nerds a parte, é um excelente filme COM super-herói, e não um ótimo filme DE super-herói. História bem amarrada, nada de furos que insultem a inteligência do espectador, e o melhor: grandes atuações dos principais personagens do filme.

Alías, a pior parte do filme é quando acaba: sai com pesar após os créditos começarem a rodar na tela, pois não teremos uma segunda oportunidade de ver o Coringa de Heath Ledger. Sinceramente, pelas imagens que havia visto anteriormente, eu tinha sérias dúvidas da incarnação do personagem vivida pelo ator. Me parecia desprovido do ar "divertidamente caótico" que imagino para o personagem. Contudo, a cada aparição do personagem na telona, a atuação de Ledger foi me conquistando e me convencendo da espetacular interpretação que ele nos ofereceu. (sem contar com a reação do público, que claramente se divertiu com o personagem).

Portanto, além da recomendação (TODOS DEVEM ASSISTIR ESSE FILME, mesmo não gostando de super-heróis) fica a homenagem ao ator que melhor viveu o espírito do Coringa...

O Autor continua morto-por-dentro... "zumbi emocional" (termo mais na moda)...

20 de junho de 2008

Stallando Cobra

Nossa, nem acredito, mas hoje entreguei o maldito TCC na biblioteca da Escola de Administração. Evidente que ainda me falta apresentar a maldita pesquisa, mas ao menos este findi poderei descansar.

Por minha prolongada ausência, deixo para vocês este interessante vídeo, que combina com meu TCC:



Falta pouca para a liberdade do autor!

Derretendo o Gelo

Hoje tive certeza que o seriado House é o melhor que já vi. O episódio season finale da surpreendente 4ª temporada realmente foi superior. Imagino que os leitores do blog talvez não conheçam, mas recomendo que o assistam.

.


Em resumo, House é uma série que mostra a rotina do setor de Medicina Diagnóstica de um hospital americano. A tarefa desses médicos é diagnosticar as doenças que os comuns não conseguem, salvando vidas. Dr.House, o chefe da seção, é inteligentíssimo e brilhante como médico, porém frio, calculista, anti-social, misterioso, anti-ético e sarcástico. Ademais, tem uma dor crônica na perna, manca, por isso é viciado em hidrocodona (analgésico). A dor faz dele uma pessoa infeliz e irritante, que vive da resolução dos puzzles médicos. A série, de grande sucesso, já conta com 4 temporadas completas.

Normalmente, os melhores episódios são aqueles que mostram a personalidade de House, pois são raros e importantes. Durante a série, sua personalidade é pincelada sutilmente; dificilmente temos conhecimento sobre o que o médico sente, daí seu potencial sexy e instigante. =P
.
House, na espetacular cena em que está em coma, onde se encontra numa espécie de "passagem para o mundo dos mortos", transparece: é mostrado o verdadeiro House. Expõe seus sentimentos: culpa, por sentir-se o motivo pelo qual a namorada de seu melhor amigo acidentou-se, acarretando em sua morte; dor, pela morte dela, apesar dele sempre dizer "que não se importa com ninguém"; medo, de perder a amizade de Wilson(o amigo supracitado); e, obviamente, medo de voltar à realidade e sentir sua dor crônica na perna, de voltar a ser infeliz.
.
Agora, vale discutir sobre o que é necessário para alguém mudar de verdade. Uma pessoa morta por dentro - assim como se auto-intitula o Autor deste blog, atualmente afastado em virtude de força maior =P - conseguiria mudar? House sente dor, é infeliz, mas não porque deseja. No fundo, ele sempre quis mudar, mas não é corajoso o suficiente. Na 2ª temporada, sua ex-mulher aparece buscando auxílio. Mas no final, ela acaba tentando uma reconciliação. Apesar dele realmente amá-la e titubear, sabe que não sente-se em condições para mudar tanto sua personalidade por ela. Digo, não POR ELA, mas para FICAR com ela, mudando por ELE mesmo, pra ele ser feliz ao lado dela. Conclusão: ela vai embora, e ele continua infeliz.

.
E House não é o único. Ser frio, hoje em dia, é vantajoso: entre tanta superficialidade e "robotização" nas relações entre as pessoas, sofre-se bem menos com decepções, pois nada se espera dos outros. Em contrapartida, essa letargia e insensibilidade originam a quase nulidade na interação emocional humana. Resulta, logicamente, em infelicidade. Vale a pena?
.
Além de ter ficado tanto tempo distante do blog e ter voltado com um post meio meloso, a Autora se emocionou bastante ao assistir este capítulo. É claro, a mesma é uma verdadeira "manteiga derretida". Mal pode ela esperar pela próxima temporada!

29 de maio de 2008

Pausa para os comerciais

Nossa, acabei de sobreviver à decisão na cobrança de penaltis, (Corinthians 5 x 4 Botafogo)... Mas como andei ausente por tempo demais, quis dar satisfação aos meus fiéis leitores... Devido aos compromissos acadêmicos (leia-se "maldito TCC") não tenho tido tempo de me expressar. Mas não temam, assim que a maratona for encerrada (e espero que com uma vitória) voltarei minha atenção ao blog!

Aguardem meu retorno!!!

18 de maio de 2008

Nota de pesar

Hoje, quando acessei o site globo.com para verificar os horários dos jogos no Brasileirão, tomei ciência da triste notícia: O Domingão do Faustão completa hoje seu milésimo programa nos domingos à tarde...



O Autor passa mal em pensar que o Gugu tenha números mais expressivos que seu volumoso oponente global...

15 de maio de 2008

Infográficos

Sempre curti infográficos. Quem Lê a revista mundo estranho, ou superinteressante sabe como são legais. Estava eu perambulando pelo site da ISTOé e achei dois bem legais:

1) Cheiros e Feromônios

Para os apaixonados, o cheiro de quem se ama pode ser mais estimulante do que o mais sofisticado dos perfumes. Isso porque o homem, assim como muitos animais, exala uma substância natural chamada feromônio, capaz de atuar no sistema límbico (estrutura cerebral responsável pelo processamento das emoções) e levar o desejo sexual às alturas.

Com a organização social e cultural da espécie humana, acabamos selecionando outros sentidos e critérios para eleger parceiros. Mas, ainda hoje, a ciência mostra que respondemos a instintos primitivos no jogo da sedução – e o olfato é um deles, como provam diversos estudos. Um dos mais recentes foi realizado pela Universidade da Califórnia, nos EUA. Cientistas avaliaram a reação de 48 mulheres depois de inalar a androstenodiona, feromônio masculino presente no suor. Todas tiveram aumento dos batimentos cardíacos e sentiram-se sexualmente estimuladas. Outro estudo, da University College London, da Inglaterra, contou com 76 indivíduos, entre homens e mulheres. Os resultados foram classificados em função das relações sociais que os participantes experimentavam depois de usar outro feromônio. Foi observado um aumento considerável no número de relações sexuais dos participantes. “Pesquisas como essas confirmam que amor e sedução sempre foram uma questão de cheiro e pele”, diz o médico e psicólogo Jorge José Serapião, da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Diante de evidências como essas, pesquisadores do mundo todo têm se esforçado para decifrar o caminho percorrido pelo cheiro, do nariz até o despertar do desejo. O objetivo é usar as informações obtidas na formulação de técnicas para estimular e resgatar o desejo sexual – afinal, sabe-se que a perda da libido está entre as principais causas da infelicidade humana.

As descobertas revelam um delicado mecanismo capaz de separar os tais feromônios do ar que é inalado. Do nariz, eles seguem um caminho distinto até o cérebro, onde ativam estruturas associadas ao desejo. Um detalhe importante, na verdade muito importante para a felicidade a dois, é que o feromônio é uma “estrada” de mão dupla: quem o sente fica interessado por quem o exala. Mas é fato que o atraído também passa a produzir o seu próprio feromônio. E assim fecha-se a rede de atração e prazer. O que os cientistas também constataram é que os feromônios são liberados por glândulas sudoríparas chamadas apócrinas, que se localizam junto aos pêlos dos mamilos, das axilas e da região pubiana e que se desenvolvem a partir da puberdade.

De olho no que já se conhece, algumas empresas lançaram no mercado produtos que dizem conter feromônio sintetizado. Por aqui, esse tipo de artigo é visto com ceticismo, como diz o professor Leonardo Sá, da Universidade Estadual do Rio de Janeiro. “Precisamos de mais estudos para saber se são eficazes ou não.”

Um teste de caráter informal com esses produtos, realizado pela rede americana de televisão ABC News, deu um resultado no mínimo curioso. Duas irmãs gêmeas passaram um tempo em um conhecido bar de Nova York, nos EUA. Em uma delas foi aplicado um aerossol de feromônio e na outra um spray que não continha a substância. Como terminou a noite? A mulher que tinha utilizado feromônio contou com a aproximação de 30 homens. A que não tinha usado a substância somou 11 rapazes interessados.



2)Mochileiro aéreo:

Caos geral no trânsito, e você se lamenta e se conforma com o fato de que não poderá honrar o horário de seu compromisso, e então pensa: “Só se eu fosse voando.” Pois bem, tanto a frase quanto o pensamento em questão começam agora a se tornar realidade, se não ao alcance de qualquer cidadão, pelo menos daqueles que tenham US$ 250 mil para gastar. Em quê? Simplesmente numa mochila voadora capaz de libertar seu usuário de todo e qualquer obstáculo à sua rápida locomoção. Foi em 1984, na abertura da Olimpíada de Los Angeles, que o piloto de testes Bill Suitor chamou à atenção ao flutuar por 20 segundos na primeira demonstração pública de uma mochila do gênero, chamada Cinturão Foguete Bell (projeto financiado em parte pelos militares dos EUA) e criada pelo engenheiro Wendell Moore. Agora, após muita pesquisa e milhões de dólares de investimento, surge a Rocket Belt, mochila munida de jatos propulsores capazes de realizar vôos de curta distância. Ela está sendo vendida em lojas, ou seja, esse equipamento de alta tecnologia não ficará restrito a cientistas.

A transformação do velho cinturão foi geral. Ao aço e ferro que o compunham (peso de cerca de 120 quilos) seguiram-se o alumínio e a fibra de vidro, resultando na redução de peso (50%) e no dobro do impulso. “O grande diferencial dessa tecnologia é que ela não é restrita à classe acadêmica”, diz Juan Manuel Lozano, designer-chefe da empresa Tecnologia Aeroespacial Mexicana (TAM). Segundo ele, a mistura de gases foi essencial para aumentar a potência do Rocket Belt. Os tanques de metal montados na mochila do foguete são preenchidos com cerca de 23 litros de peróxido de hidrogênio, e, quando o operador abre a válvula, outro elemento, o nitrogênio a alta pressão, é liberado. Isso força o hidrogênio para dentro da câmara numa pressão que pode chegar à temperatura de 743º C. “O vapor é expelido pelos dois tubos curvos que saem do topo do tanque e descem lateralmente logo atrás dos braços do operador”, diz Lozano. “A pressão é tão forte que pode levantar rapidamente uma pessoa com 136 quilos.” Para ser comercializado, o Rocket Belt passou por uma bateria de testes para comprovar sua estabilidade e seu mecanismo de fácil manuseio. Custará US$ 250 mil e será feito sob medida para cada usuário.


Melhor do que esse foguete ou seduzir com feromônios, só mesmo fazendo como o Autor e aprender inglês com o Chapolim Colorado:




8 de maio de 2008

Conselho

Hoje eu estou inspirado nos comerciais... Esse daqui vai em homenagem ao Ronaldo Fenômeno:



o Seguinte também é da mesma marca de camisinhas, e acho que reflete melhor a forma como as meninas enxergam o mundo... hehehe



O Autor garante não ser um "toiçomem"... mas conhece amigos que são... hehehe

Antioxidantes do baralho!

Muito legal esse comercial! Adoro esses "papéis de bolinha"! Lembrem-se mocinhos e mocinhas, proteção na hora certa é tudo! hehe



O Autor não recomenda que tentem esse último truque em casa...

7 de maio de 2008

Ditados

Afanei do quarto da minha mãe um livrinho bem legal: "As melhores frases de Ironia e Irreverência". A medida que for lendo coloco minha preferidas aqui...

- Consegui deixar a bebida!!! O ruim é que não lembro onde...
Alberto dos Santos

- Fidelidade é sentir uma forte coceira, sendo proibido de coçar.
Aurélien Scholl

- Casamento é a única prisão onde você ganha liberdade por mau comportamento.
Alberto dos Santos

- A Justiça custa caro, por isso a economizam.
Marcel Achard


Para o caminho de uma vida feliz e saudável o Autor recomenda que evitem a bebida e casamentos...

6 de maio de 2008

Trailers!

Depois do espetacular filme do Homem de Ferro, temos o Retorno do Batman, 13/07/08, vindo aí:



Ah, e pra quem gosta de Anime (embora não vá sair no cinema) tem a animação do meu Mangá preferido:



Blade of the Immortal rules, diz o Autor!

2 de maio de 2008

Submundo dos teclados

Teclado de PC pode ser mais sujo do que privada, diz revista

Alguns teclados de computador têm mais bactérias do que o assento de uma privada, segundo uma pesquisa realizada por uma revista britânica. A revista Which? Computing afirma que testes realizados em computadores do escritório da empresa em Londres encontraram germes e bactérias que poderiam causar infecção alimentar.

Dos 33 teclados analisados, quatro foram considerados potenciais riscos à saúde e um tinha cinco vezes mais germes do que o assento da privada do banheiro do escritório. Um microbiologista deu ordens para que o teclado fosse retirado do local, mantido em quarentena e limpo. Reflexo O microbiologista Peter Wilson, do University College London Hospital, disse à BBC que um teclado de computador é geralmente "um reflexo do que está no seu nariz e no seu intestino". Wilson afirma que compartilhar um teclado no escritório pode causar a transmissão de doenças entre os empregados. "Se alguém tem um resfriado no escritório, ou mesmo uma gastrenterite, há muitas chances de que você vá pagar a doença por meio do teclado", disse o pesquisador.Segundo a revista Which? Computing, uma das causas para teclados tão sujos é o fato de que usuários cada vez mais comem enquanto usam o computador. Maus hábitos, como não lavar as mãos depois de ir ao banheiro, também contribuem para o problema, de acordo com os pesquisadores. A editora da revista, Sarah Kidner, aconselhou os usuários a limpar os teclados antes de começar a trabalhar.

No ano passado, uma pesquisa realizada pela Universidade do Arizona concluiu que, em média, uma mesa de trabalho tem 400 vezes mais bactérias do que um assento de privada. Eles também descobriram que as mesas das mulheres têm de três a quatro vezes mais germes do que a dos homens.
fonte: http://noticias.uol.com.br/bbc/reporter/2008/05/01/ult4905u325.jhtm

Bem, não sou um neurótico com limpeza, mas quando se trabalha num lugar onde os teclados são ninhos de barata (é sério), o sujeito passa a valorizar a higiene digital. Eu já havia comprado um mini aspirador de pó para teclados, mas a coisa não é lá muuito eficiente... dai quando leio uma reportagem dessas, fico de cara. Creio que a única opção mesmo é arranjar um teclado que possa ser limpo com água e sabão... :P

O Autor até pode ser morto por dentro, mas é um cara limpinho...


1 de maio de 2008

Homenzinhos...

Pra quem não sabe, hoje estreiou Homem-de-Ferro nos cinemas nacionais! Ainda não fui ver, mas prometo um review pra amanhã!!! Ah, e pra quem quer ainda mais filmes nerds:



O Autor diz: Hulk ESMAGA! hehehehe


21 de abril de 2008

Tijolos

Não costumo postar piadas, especialmente quando copio elas... Mas recebi esta do Camilo e achei válido postar:


Teste de Aptidão Vocacional para contrato de novos empregados.

Coloque 400 tijolos em um quarto fechado, coloque os novos candidatos e feche a porta. Deixe-os sozinhos por seis horas e analise a situação:

1 - Se eles estiverem contando os tijolos, contrate-os para o departamento de contabilidade.

2- Se eles estiverem recontando os tijolos, contrate-os para o departamento de auditoria.

3 - Se eles tiverem bagunçado tudo e espalhado os tijolos, são engenheiros.

4 - Se eles tiverem arrumado os tijolos de maneira bem estranha coloque-os no Planejamento.

5 - Se eles tiverem jogando tijolos uns nos outros, coloque-os em Operações.
6 - Se eles estiverem dormindo, coloque-os na Segurança.

7 - Se eles estiverem quebrando os tijolos em pedacinhos, coloque-os no departamento de tecnologia da informação.

8 - Se eles estiverem sentados sem fazer nada, coloque-os em Recursos Humanos.

9 - Se eles disserem que já tentaram várias combinações e estão ainda tentando outras mais e nenhum dos tijolos tiver saído do lugar, coloque-os em vendas.

10 - Se eles já tiverem saído, coloque-os na Gerência.

11 - Se eles estiverem olhando para a janela, coloque-os em Planejamento estratégico.

12 - Se eles estiverem conversando entre si e nenhum dos tijolos tiver saído do lugar, cumprimente-os e coloque-os na Diretoria.

13 - Se eles tiverem criado um muro de tal forma que eles não podem ser vistos ou ouvidos, então coloque-os no congresso.

14 - Se eles afirmarem que não estão vendo nenhum tijolo ali na sala, coloque no Jurídico.

15 - Se eles reclamarem que os tijolos "estão uma merda", não têm identificação, falta operação, medidas erradas, coloque na Qualidade.

16 - Se começar a chamar de companheiro, nem contrate e mande embora logo antes que ele crie um sindicato.

O Autor provavelmente iria pensar em algo mais criativo para os tijolos, tipo... isso:

20 de abril de 2008

DC versus MK

Quem joga "videogueime" (hehehe) certamente conhece a série de jogos que traziam os embates Marvel versos Capcom! Eu acahava muito legal colocar os super-heróis pra porradearem os personagens da Capcom, tudo na qualidade dos jogos do Street Fighter II.


Parece que a Midway/Acclaim (fabricante do Mortal Kombat) decidiu imitar a iniciativa da concorrente e inventou a sua versão do embate entre universos, videogame versus quadrinhos, com os heróis da DC (Superman, Batman, Mulher Maravilha, Flash, Lanterna Verde, etc...) Vejam só o trailerzinho:








Só espero que não ponham o batman dando fatalities no sub zero... hehe

O Autor vai jogar direto com o Homem-morcego, detonando Liu kang e cia! hahahaha

Vestindo a Camisa

O ambiente era a academia. Entre uma máquina de musculação e outra, eu observava. O sujeito, um tiozão, portava sua camiseta vermelha com brancos escritos russos, com um símbolo em vermelho notável: uma foice e um martelo. Sua bermuda, estilo surfista da marca Billabong, arrematava o seu look.

+


Mais do que as palavras, os gestos e a aparência da pessoa revelam muitas informações a seu respeito. Não é que eu seja crítica de moda, não tenho conhecimento - ainda - para tanto. Por mim, cada um veste-se do modo que bem entende. Mas eu acho adequado a um senhor de certa idade o uso de vestes mais sóbrias; usar bermudão de gurizão não lhe cabe, assim como não é aconselhável uma senhora vestir roupas coloridonas e extravagantes. A desarmonia não condiz com a maturidade.


Além de ser incoerente. O peito do homem estufava um suposto orgulho comunista, mas suas cuecas escondiam-se atrás de um inegável comportamento consumista. Ou o homem pensou algo do tipo "vermelho+branco+preto fica legal, esse símbolo é fashion, coisa russa é exótica", ou nem sabe do que a ideologia trata, a camiseta é style e fim de papo.
.
Ou talvez não tenha nada a ver com política: CCCP - sigla presente na camiseta - era a Seleção Soviética de Futebol (site que vende réplica). Até porque (se não me engano) em tempos de Copa do Mundo, tava na modinha usar estampas de bandeiras de países, como se fosse uniforme da seleção do país. Também há outra hipótese: podia ser uma peça da coleção de uns dois anos atrás da Renner, que tinha umas vestes masculinas com temas de guerra. Não sei.

Dia desses, ouvi uma colega ignorante declarar na aula de Inglês que, independente da mensagem, o que valia pra ela era a "beleza" da roupa. Se ela pôr uma batinha super gracinha, mas que tenha escrito em letras garrafais "Stupid Fat Bitch", ela está certa de que vai a-ba-far. E eu não duvido.

Sempre que tinha oportunidade, um punk ex-colega meu desenhava no quadro negro o símbolo anarquista. Só que ele andava tão chapado que acho difícil pensar que ele sabia o que aquilo significava. Outra: um conhecido meu usando uma camiseta rubro-negra bacana, com um "ANARCHY" estilizado, e aquele A super in naquele círculo gracioso.
Independente da visão política, afinal de contas, vestir-se não é só combinação de cores. Vejo a moda além do glamour, como forma de exteriorizar características da personalidade da pessoa, como arte. É idiota abraçar a causa e não fazer jus a ela, nem ao menos compreendê-la. É deprimente não ter o que dizer sem abrir a boca. Pior ainda é ser pseudopolitizado: além de ignorante, é brega.

Mas claro, há a possibilidade do tiozão ter provocado essa antítese ideológica de próposito, pra ver quem iria ser perspicaz o suficiente para refletir a respeito. Aí sim, "benhê", ele a-ba-lou.

A Autora comprou há alguns meses uma regatinha com a estampa "I'm a Lucky Girl" e é criteriosa em relação às comunicações visuais que busca passar. Dependendo do seu humor e da qualidade do seu sono, obviamente. =P


À PARTE DO POST: Entre umas pesquisas no Google, achei o bizarro Super Comunista. Confiram!

15 de abril de 2008

Lealdade

Muuuito tempo atrás, quando eu morei em Edimburgo, me lembro de ter passado na frente da estátua de um cãozinho, que ficava na bifurcação de uma rua. Na época minha mãe me contou que se tratava de uma homenagem feita ao mascote de um operário, que, mesmo após a morte do dono, continuou quardando seu túmulo diariamente por cerca de 10 anos!!!


Me lembro de ter achado incrível aquela história, e por nunca ter tido contato rotineiro com um canino, não dimensionei bem a história. De qualquer forma, anos depois me deparei com a menção ao famoso cãozinho: Greyfriar´s Bobby. Não fazia idéia da reputação do cãozinho: ele, ao lado de outro canino japonês, são referências em termos de fidelidade canina. Sempre pensei que fosse uma celebridade local, mas existem vários sites pela internet, inclusive filmes foram feitos sobre a tocante história.

Bobby era um Skye Terrier, cujo o dono John Gray, policial noturno, morreu de tuberculose 2 anos após ter adotado Bobby. A paixão pelo dono era tão grande que durante os 14 anos que viveu além da morte de John, Bobby esperava por seu dono junto ao túmulo do próprio. Por regra, um cão sem dono teria de ser sacrificado, mas sua devoção pelo finado comoveu a todos, que passaram a adotar Bobby e sustentá-lo. Após sua morte, o próprio Bobby for enterrado ao lado do cemitério onde John Gray repousa, para que continuasse sua vigília ao dono.


Agora que tenho duas cachorrinhas, consigo dimensionar o que as pessoas devem ter sentido ao ver Bobby todos os dias junto ao túmulo de John. Fico feliz em ter visitado a homenagem feita a ele sou grato aos cães por me mostrarem que a lealdade existe, mesmo que entre espécies diferentes!

Hoje o Autor, emocionado, não fará comentários... snif...

13 de abril de 2008

Biscoito da Sorte


"Aquele que se eleva, será humilhado;

o que se humilha, será elevado."



Hoje rolou comida chinesa aqui em casa, esta foi a mensagem no biscoito da sorte do Autor, tudo a ver com ele né?

10 de abril de 2008

Lascívia Puritana & Alguns Latidos

Há quem diga que assistir a reality shows é inútil. Verdade: é muita putaria e futilidade. Mas, mesmo suspeitando que muitas das brigas de lá sejam armadas, observar uma minisociedade é, no mínimo, interessante. De qualquer forma, se sacudir os glúteos e mostrar o abdômen tanquinho, vale. Que seja.

Hoje, no Mais Você da Globo, a Natália conversou com a Ana Maria Braga e uma sexóloga. Tida como a 'mais saidinha e burrinha' das participantes da edição, a gaúcha mostrou-se super à vontade falando sobre sexualidade, declarando que até sua família estranhou que seu comportamento no BBB foi leve(?!) em relação ao que ela realmente é. Garantiu falar sobre sexo abertamente com os pais. (Fonte: Zero Hora)


Eis que surgem indagações. Será que ela é vadia ou é livre da pressão da sociedade machista? Aliás, quem está certa: a mocinha que segue o "Piriguete's way of life" ou a mais conservadora? O machismo está nas cabeças de nossas mães? Se sim, fomos moldadas a pensar assim e devemos tomar alguma atitude nesse sentido? Ou devemos ficar na defensiva e repassar tais valores as nossas filhas, renovando esse pensamento, num ciclo sem fim?

Ok, ser safadona é legal. Eu sou muito a favor do prazer sexual, desde que haja respeito e satisfação entre as partes envolvidas. Faz bem pra saúde, relaxa, diverte, cria cumplicidade. Mas que não seja com qualquer um. Sou contra a banalização do sexo; afinal, é uma coisa íntima.

Para uma mocinha, escancarar sua atividade sexual como se fosse a sua característica determinante - não como "mulher consciente e de bem com seus prazeres", mas sim como "a cachorrona desengaiolada que tá de sainha e já berrou que tá 'solteirááá' " -, numa sociedade machista na qual vivemos, torna-a exemplo de imoralidade, tal qual a ex-BBB. E não me diga que "o que importa é minha consciência, por fora sou um conceito seu e blablablá", porque sabe-se muito bem que se tu queimares teu filme, tu acabas perdendo respeito e credibilidade, seja no trabalho ou no social mesmo. Sejamos realistas: quem nunca disse um "Fulaninha, viu aquela bagaceira ali?", que atire a primeira pedra. Mas, voltando a Natália: ela tá fazendo/fez isso tudo pra aparecer ou porque tem um fundo de crítica feminista nas suas atitudes? (tá, Dani, não força a barra...)

Ok, estabeleçamos limites. Ser feminista, pelo que entendo, é lutar pela igualdade de gêneros, a fim de tornar a sociedade mais justa, idéia que apóio veementemente. Agora, o que é COMPLETAMENTE diferente é o que vocês verão no vídeo que segue.

[http://www.youtube.com/watch?v=07Eq-yAAm6U]

Não defendo a sensualidade funkeira esculhambada e explícita. Mulher que se autodeclara "CACHORRONA", já define a sua auto-estima e valor que dá a si mesma. Se o que vale na sua vida medíocre é "pegá us macho gostoso", está sendo MACHISTA. Afinal, ela se restringe a um objeto sexual, ser irracional, útil somente para a satisfação de outros "superiores" a si (os "homi gostoso"), e ainda ter orgulho disso! PIOR que isso: "obegeto sékissuau" de qualquer Zé Ruela.


E o que tem a ver comigo, com as "mocinhas de família"? Uma pequena reserva zoológica de "preparadas" é capaz de denegrir a imagem feminina, gerando a idéia de 'mulé boa enjaulada' na cabeça de rapazotes ignorantes; retoma-se a cultura de submissão, inferioridade e preconceito, e JOGA NO LIXO a luta e os direitos HUMANOS conquistados por nós. Isso também retoma o "suposto direito do homem reagir caso a mulher o provoque". (VIOLÊNCIA DOMÉSTICA é FATO, não só no Brasil; e cantar "tapinha não dói" não ajuda na campanha contra tal bárbarie!)
.

Voltando ao assunto mais light, sobre a Nat... Francamente, admiro a posição liberal corajosa dela, de não ser reprimida(apesar de ela levar o ônus disso). Afinal, se ela tá a fim e gosta de sexo, tá muito certa em ir atrás do que procura, assim como o homem o faz. Só acho que não era necessário tornar isso TÃO público, 24h por dia. E nota dez para os pais dela: sexo tem que ser discutido em casa, sem tabus. Faz parte da educação, ajuda na cumplicidade entre pais e filhos e conforta os adolescentes.

Como a concepção todos têm sobre sexo é determinada pela formação de seus valores, não há como "saber" o que é certo e o que é errado. Logo, chamar a Nat de vagaba é relativo.
.
Mas fica o apelo: antes de rebolar, doçura, pense.
.
A Autora fica um tempo sem postar, e quando posta, vem com duplo enfoque. Ela considerava a Natália uma vagaba simpática, mas incapaz de provocar alguma reflexão. Pura arrogância da Autora, que, humilde, reconhece o valor que os reality shows têm em nossas vidas. =P

Motorizado?

Ultimamente tenho sido muito criticado por ter desistido do volante. Perambulando pela rede descobri um carro ideal para mim, assistam no vídeo:



Para completar, ainda posso dar uma "customizada para deixar o carro com um ar modernoso:


Depois dessa o autor só tem uma coisa a dizer: "morda-se de inveja Fred Flinstone!"

6 de abril de 2008

Rave Nerd

Ontem fui convidado para ir numa rave... Sinceramente, não sei porque se dão ao trabalho... já pensaram? eu numa rave? Porque não convidam logo o Papo pro sofazão? (acho que era mais fácil). Só iria numa rave se fosse algo como a de baixo:



Isso é o que aconteceria se eu fosse numa rave:



O Autor não tem nada contra festas, apenas as acha degradantes e deprimentes. Para o autor, festa boa é festa morta!
Hauhauhau!

5 de abril de 2008

Sonhos

Esse sábado tem tudo pra ser um dia inútil. Pra começar tive um dos sonhos mas engraçados de que me lembro. Vou descrevê-lo abaixo e espero que a minha amiga Crix não me processo por plágio:
.......................................................................................................
Estava eu indo a caminho da parada de ônibus na 24 de Outubro (como de rotina) com um colchão sujo de vômito cânino debaixo dos braços (indo descartá-lo a pedido de minha mãe) quando escuto uma conversa no mínimo peculiar, vindo da frente de uma loja de especiarias e alimentos importados:


- Ok, então vocês lacraram tudo certinho? não esqueceram de nenhuma criança certo?
- Não esquecemos não chefe! estão todas ai dentro conforme o Sr. pediu.

- Hum... e já verificaram pra ver se estão bem abafadas? não podemos deixar que escutem nenhum grito vindo de dentro das caixas.


Enquanto marcava alguma coisa em sua prancheta, o homem que dava ordens aos seus funcionários (que tinham aparência de capangas mafiosos de filmes estadunidenses) grudava seu ouvido em duas grandes caixas (cerca de 1,20m de altura) que supostamente estavam cheias de "alfajores de chocolate branco" para testar se era possível escutar a criança que haviam amarrado lá dentro.


Na realidade era uma gangue de traficantes de alfajores brancos (não me pergunte de onde tirei isso) que usavam crianças dentro dos carregamentos. A idéia era que, ao chegar na alfândega estrangeira, as autoridades encontrassem os corpos das crianças e, comovidas com a situação centrassem suas energias neste crime e descartassem os "raros e caros" alfajores de chocolate branco, enviando-os para leilões, onde os criminosos pagariam uma merreca, sendo poupados das altas taxas alfandegárias e exportação e poderiam revendê-los no mercado!!!


Atônito com o sinistro plano, eu parei por alguns segundos, e quando os malvados traficantes de alfajores se descuidaram, surrupiei uma das caixas (com aqueles carrinhos de mão para transporte) e corri para a parada do ônibus (isso com o colchão debaixo do braço!) Assim que entrei no veículo, algumas pessoas olharam e me perguntaram: ué? uma caixa de alfajores enorme? foi então que expliquei a situação para os passageiros... e ainda contei que minha mãe havia pedido que eu descartasse o colchão, mas que eu não podia ficar parado de braços cruzados enquanto comitiam esse brutal crime!!! foi então que alguém no ônibus perguntou:


- e você não tem medo que os criminosos tentem lhe "apagar" se vier a público denunciar todo o esquema???

e eu disse que por mais assustador que fosse, não podia ignorar a situação... e foi ai que todos no ônibus começaram a me aplaudir (só em sonho mesmo pra ser aplaudido)... e depois acordei (acho que ser aplaudido é tão surreal pra mim que me dei conta de que não passava de um sonho bobo... hehe)

...................................................................................................................................
Pois é, cada sonho que eu tenho... vou te contar... por isso prefiro dormir em paz mesmo, sem ter idéia estapafúrdias loucas ou esquizofrênicas!!!

O Autor preferia ter sonhado com algo melhor... tipo... que estava no elevador com a Daniela Suzuki e faltou luz... ou melhor ainda, que também estivessem a Cicarelli, Cléo Pires, quem sabe a Ana Paula Arósio... enfim...

3 de abril de 2008

Ah, eu já sabia!

Repitam em alto e bom som comigo: AH, EU JÁ SABIA!!!
..................................................................................................................

02/04/2008 - 18h37 "World of Warcraft" não causa violência, diz estudo

Segundo um estudo conduzido na Universidade de Middlesex, não há correlação entre o ato de jogar "World of Warcraft" e comportamentos violentos.

"World of Warcraft" é um jogo online sem limite de jogadores, no qual os usuários fazem várias missões, em especial a caçada de criaturas.

O experimento foi conduzido com 292 pessoas, de ambos os sexos, com idades entre 12 e 83 anos. Eles jogaram duas sessões de duas horas e foram entrevistados por psicólogos. A conclusão é que, ao menos em relação a "World of Warcraft", o ato de jogar não suscitou emoção violenta. Pelo contrário: a tendência é que sintam calmos ou cansados.

"Houve, na verdade, níveis maiores de relaxamento antes e depois jogar o game, ao invés de experimentar raiva, mas isso depende muito da personalidade", faz ressalva Jane Barnett, chefe do grupo de pesquisa. "Isso nos ajudará a desenvolver um questionário sobre jogos e emoções, com o intuito de distinguir o tipo de jogador que tem propensão de transferir a agressão online para a vida cotidiana".

A pesquisa será apresentada na conferência anual da Sociedade de Psicologia Britânica, que acontecerá em Dublin, Irlanda.

fonte: http://tecnologia.uol.com.br/ultnot/2008/04/02/ult530u5954.jhtm
.....................................................................................................................


O autor admira jogos com violência, mas nenhum supera Winning Eleven. Ah, que saudades...