2 de dezembro de 2007

Amadurecimento?


Lá vou eu fazer outro vazio exercício de reflexão que a nada leva, a não o esgotamento do meu rarefeito intelecto: o que é AMADURECER?

Se considerarmos a visão clássica de "ganhar experiência" de vida, poderíamos associar o amadurecimento à idade. No entanto, conheço jovens que são muito mais maduros do que idosos... a meu ver pondo por terra este raciocínio.

Talvez amadurecimento esteja vinculado à insegurança. Como uma forma de não assumir responsabilidades ou encarar a vida de forma mais leve, sem se preocupar com as conseqüências de suas ações. Entretanto já percebi pessoas muito maduras que possuem grandes inseguranças, assim como imaturos que ostentam uma segurança inabalável.


Derrubadas estas teorias, ou idéias vigentes na sociedade, darei meu pitaco: creio que amadurecimento seja diretamente proporcional à capacidade analítica. O poder de observação e conseqüente crítica conduz um processo de construção das idéias que ilumina novos caminhos. Saber perceber como se dá o comportamento do eu e de outrem possibilita uma reengenharia dos sentimentos.

Se minhas idéias tiverem fundamento, logo o amadurecimento não é algo que se adquire com o tempo, mas sim algo que se aperfeiçoa. O imaturo de hoje será o imaturo de amanhã. Experiências marcantes podem mudar padrões de comportamento, mas não a essência de uma pessoa, de tal forma que o amadurecimento não deve se confundir com experiência. Amadurecimento é a sabedoria pessoal, a capacidade de sobrepujar seus sentimentos mais fortes e impulsivos, sem deixar de viver as emoções que de fato trazem benefícios à longo prazo.

Ao contrário do que o texto indica, o Autor é 100% imaturo e quase nunca mudou de opinião. Justamente por estar "morto por dentro", ele alerta que a busca por amadurecimento pode resultar em apodrecimento, recomendando que esqueçam as baboseiras que aqui registra.


5 comentários:

acabouonescau disse...

Eu amo o teu blog!!!

Eis um tema dificil... Ja morei com mais de 60 pessoas na minha vida (pareco uma idosa falando, mas eh o preco de querer pagar barato por uma moradia e acabar dividindo uma casa com mais 11 pessoas ao mesmo tempo)... ja vi muita gente imatura com bastante idade, com pouca idade e o contrario tambem.. o que me leva em certo ponto a concordar contigo quando discorda das duas primeiras teorias...
Quanto a ultima... nunca tinha parado pra pensar... vou dar uma refletida aqui e volto a dar meu palpite furado!!!

Luiz disse...

Cara...boa reflexao
e tem mais..sempre vemos o quanto somos imaturos quando scomeçamos a amadurecer e ver nossso varios erros....
tipo pensar..de onde viemos e para onde vamos?? nao interessa muito se tu simplesmente saber viver o hoje...

bah,,,Nao sei teu nome (só sei que nao tem mais nescau..hehe) 60 pessoas é um numero em tanto!!!!!

SERIE B disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
acabouonescau disse...

pois eh Luiz, nao sei pq nao coloco meu nome... mas enfim... meu nome eh Lia... e eu ja morei com tanta gente assim pq ja morei em varios lugares... e, so numa casa que morei dividia com outras 11... agora moro com mais 6... e digo que nao eh facil...

Mas voltando ao post.. ainda nao parei pra refletir...

Krol disse...

Concordo contigo nas três teorias, sendo q na segunda, a aparente segurança dos imaturos é a prepotência dos tolos, que, desconhecendo o teor das coisas, se acham os tais. E a insegurança dos maduros é causada justamente por esse excesso de maturidade, por assim dizer, pois analisam tanto as conseqüências de uma coisa q temem ousar e arriscar.
Acredito também no poder analítico sendo diretamente proporcional ao amadurecimento de uma pessoa.Tem-se q refletir e sempre cuidar das suas emoções e não ferir o outro com o seu egoísmo.
Recomendo o teu renascimento, pois seria um desperdício de oportunidade dessa vida.