17 de novembro de 2007

Caçando Gatinhas 02

Dando continuidade aos relatos da caça aos felinos, tenho duas novidades:


1) Conseguimos levar mais um gatinho para castração, e temos mais 2 na fila. Se obtivermos sucesso, todos os gatos adultos do prédio estarão esterelizados, o que eu espero reduza a as brigas e badernas que aprontam.

2) Passei a noite toda tentando dormir, no entanto os miadinhos de um filhotinhos não silenciavam. Hoje pela manhã minha mãe foi averigüar o que era e para nossa surpresa apareceu com um filhotinho de um palmo no colo. Parece até de brinquedo! Além de minúsculo, acho que o pobrezinho não andava mamando direito, pois mais parece um fiapo... levamos ele para uma consulta na veterinária e segundo ela, o felino não tem mais do que 20 dias de idade. Já fui nomeando imediatamente o indivíduo: Jeremias. Fiz isso para garantir que a minha mãe não chamasse a figura com algum nome "criativo" tipo: bolinha, florzinha ou alguma frescurice dessas...

Agora estamos aguardando que ele se recupere (precisa beber leite a cada hora de pipeta) e se tudo correr bem, a veterinária acha que ele tem 50% de chances de "vingar", traremos ele para a família!

3 comentários:

Luiz disse...

igual ao Jeremias bebado!?!? hehhe! que beleza!
entao um brinquedinho pra tina..coitado do bixinho! numa mordida ela come o bixano.....hahahaha
Só nao manda la pra casa..ja tenho 3...

Carolzinha disse...

Oi Eduardo...li o seu post e fiquei pensando em mim.
Deixe-me explicar: Eh q quando eu era criança, tinha uma gata q insistia em dar cria no forro da minha casa e sumir sem nem amamentar seus pobres filhotes.
Adivinha pra quem sobrava esta magnífica tarefa?????????
Pra euzinha aki.
Eu passava dias a fio, soh em volta dos gatinhos, dando leite fervido com chá de hortelã (de conta de gotas) aos pobres bichinhos.Não preciso dizer q eles miavam a noite inteira sentindo falta mãe. E qdo um morria??????
Meu Deus...parecia q eu ia morrer junto...pois eh neh, mas faz parte da vida.
Bjs...até o próximo post, ou até segunda neh?!

Caroline disse...

Lindo o gatinho!
Louvável sua atitude!