3 de fevereiro de 2008

Um Dia, Um Quarto

Apesar da agradabilíssima companhia da Carol e da Gabi (temos que sair mais vezes!) e das fotos bizarras tiradas hoje, sábados têm uma forte tendência a ser tediosos. Em pleno sábado de carnaval, pra quem não o "pula", pior ainda. Sem programação para o resto do dia, sem uma balsa para ir à praia, e com o temor de meu pai pelas estradas em dias chuvosos, fiquei em casa dançando com uns vídeos alegres do Sr.Tubo :D - que, algum dia, vou compartilhar aqui. É, pra quem é tímido e não tem quem o 'empurre' pra esse tipo de festa, esse é o remédio. E o seu carnaval, como tem sido?

~*~*~*~

A saída de Lucas, nosso então ex-colega da PGE, me fez lembrar do quanto eu me apego fácil às pessoas. Me lembrei do beicinho que fiz quando mudei minhas lotações no estágio. Pior que isso, me lembrei de algumas mudanças na minha vida. Mudar sempre me dá dor de cabeça. Eu gosto, me surpreendo, me encanto. Mas, dá medo do desconhecido. O processo de mudança que é o difícil. E a saudade do que foi bom. E o pior da mudança, é segurar o choro, aquela tristeza aguda, que em mim manifesta-se como se tudo que ficasse pra trás fosse desaparecer pra sempre. E muitas coisas, de fato, desaparecem do cotidiano, permanecendo apenas nas lembranças. O lado bonito e positivo da história é que sempre acabamos mudando pra melhor.

Daquelas pessoas que as mudanças deixaram pra trás, alguns viram grandes amigos; outros, ficam pra trás com o tempo e a falta dele para os mesmos se encontrarem. E vêm novos. Amigos ou simples conhecidos. Não vou relembrar a velhota piada "do passageiro da vida, do cobrador e do motorista", mas vocês sabem, tudo é passageiro.

Pra quem assiste ao seriado "House", lembre-se do maravilhoso episódio da 3ª temporada, "One Day, One Room"(a pic acima refere-se a ele). Na síntese - do que eu me lembro -, o episódio nos mostra por metáfora que a cada porta que abrimos nas nossas vidas, entramos num quarto, e nele compartilhamos nossa vida e nossas experiências com as pessoas que ali estão. E assim, sucessivamente, porta a porta. A parte do "dia", logicamente, é pertinente ao tempo cronológico da estada no quarto. Todo quarto é proveitável, basta termos sensibilidade para enxergar os frutos colhidos.

Que a nova porta aberta pelo Lucas mostre um quarto tão proveitoso - presumo - quanto foi o da PGE.

~*~*~*~

Agora, dois vídeos bizarrões e engraçadíssimos em "RITMOOO, é ritmo de festaaa"(by Sílvio Santos) :DD



Em homenagem ao Carnaval! O super sucesso da banda "Coração de Melão"! Notem a perfeição do ritmo baiano xD Em resposta ao vídeo do post do Eduardo, notem a exuberância da "loira do Tchan" deste vídeo, hahaha! Saudades do "Tela Class"...

O carismático e faceiro ícone do Indian-Pop, Dahler Mendhi! =D
*ensaia os passinhos dos dedinhos, huhuhu*

A Autora, apesar de na maior parte do tempo ser politicamente correta, ADORA um humor negro nonsense. Tais quais: "Hermes e Renato", o Sílvio do "Pânico na TV", "Os Simpsons" e o imortal e supremo desprovido de noção, Joselito!

4 comentários:

冬天。。。 disse...

HAhahahahaha! curti muito os videos! Ah, tu gosta de Joselito é? também gosto de alguns episódios do Hermes e Renato, aliás, procura um post antigo meu que fala sobre os tipos de humor que cataloguei! Quanto ao Lucas e esse papo de portas, nossa... sei lá, meio triste... procuro não pensar muito nessas coisas para não ficar pior... hehe

carolzinha!! disse...

Oi Dani, obrigada por lembrar de nós, podemos sair mais vezes se kiser.
Ps: Dá uma olhada nas fotos que botei no meu orkut, modéstia a parte, estamos realmente lindas!

Anônimo disse...

tunak tunak tun da da da
um clássico :D

acabouonescau disse...

Acredito que mudancas sempre sao pra melhores, mesmo que no primeiro momento nao pareca...
e olha que tenho uma certa experiencia no assunto....